Seu site pode ser uma agulha no palheiro

Quando a internet começou a se tornar mais comum de forma doméstica, por volta de 1994, existiam ativos no mundo cerca de 3 mil sites. 22 anos depois, essa realidade aumentou gritantemente, passando de 1 bilhão de sites ativos. Atualmente, você pode acompanhar esse crescimento através deste link.

Ao mesmo tempo que pensamos “nossa, isso é muita coisa”, os sites possuem uma vida útil muito curta. Só pra você ter uma noção, um site possui vida útil de 100 dias, de acordo com estudo feito por Mike Ashenfelder, membro da Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos. Isso porque, depois deste período, os sites param de ser atualizados e acabam caindo no esquecimento do público e morre na praia na briga incessante por um bom posicionamento do Google.

Um outro dado importante a se levar em consideração é que, ainda neste estudo, foi descoberto que frequentamos sempre os mesmos sites. Em média, acessamos os mesmos 96 sites sempre. Isso porque, eles acabam atraindo mais a nossa audiência e investiram mais para conseguir nosso lead.

Agora, pense em seu site e quantos outros sites do mesmo segmento que o seu existem na internet. Às vezes, sites de empresas com mais tempo de mercado do que a sua, o que faz com que o seu site vá ficando lá embaixo nas buscas.

Dizem que um bom lugar para esconder um corpo é na segunda página de pesquisa do Google. Será que o seu site está lá? (Risos). Caso esteja, descubra como tirá-lo de lá.

Sempre busque atualizar seu site:
Existem pessoas que conversamos que pedem várias páginas nos seus sites, mas esquecem de um das principais – O Blog-. Chame de Blog, Notícias, Artigos, mas não deixe de solicitar essa página. Está página do seu site é um grande motivo para você estar sempre atualizando ele. Escreva sobre coisas realmente relevantes para seu público. Entregue conteúdo e informações que poucos sabem. Através do compartilhamento destes artigos em mídias digitais, você vai conseguir um maior tráfego no seu site e a depender da qualidade do seu conteúdo, um público fidelizado. Crie uma periodicidade para esses artigos. Sugiro que seja no mínimo 2 por semana, levando em consideração o mercado de Salvador e região. Um outra coisa que acontece, é que o Google pontua de forma positiva os sites que possuem mais páginas.

O mestre mandou, então, obedeça!
O mecanismo de busca do Google é sem dúvida hoje um dos mais inteligentes e claro, o mecanismo mais usado no mundo. Ele detém mais de 90% do share de mercado e os outros mecanismos dividem o restante.

E porque ele é tão aprimorado? Bom, há um tempo atrás, tanto ele quanto os outros mecanismos avaliavam a qualidade de uma informação somente pela quantidade de acessos. Mas, isso não é parâmetro real. Então, ele passou a incluir outros parâmetros para que um site fosse bem rankeado como qualidade semântica da página criada, a fidelidade e atualização da linguagem de programação, qualidade de servidor utilizado, a credibilidade da informação, e a legitimidade, ou seja, o quanto a sua fonte é confiável.

Ainda sobre as exigências do mecanismo de pesquisa, o Google passou a esconder das pesquisas os sites que não eram otimizados para dispositivos móveis, o que mostra a importância de ter um site sempre atualizado e bem gerenciado.

Portanto, pense bem. Quando for criar um site, o ideal é também ter uma manutenção dele, com um SEO batendo certo e atualizado com os padrões do Google “Grande oráculo”.